Review: Super Late Bloomer

Hoje eu vou falar de um quadrinho americano que ainda não tem versão em português, mas que todo mundo merecia conhecer: Super Late Bloomer, de Julia Kaye.

Se você manja pelo menos um pouquinho de inglês, já sacou pelo título que a obra fala de alguém que “amadureceu” tardiamente. No caso, o livro traz tiras autobiográficas que retratam o dia a dia da artista após se entender como uma mulher trans.

Logo no prefácio, Julia contextualiza as tiras explicando que “demorou” (entre aspas mesmo, porque não existe tempo correto para isso) para se descobrir trans e iniciou a sua transição aos 26 anos. Mas, como histórias como a dela sempre foram apagadas pela mídia, Julia tinha medo de não ser “suficientemente” trans, já que viveu muitos anos como homem, sem pensar nessa possibilidade. Ela também se questionava se não poderia simplesmente desistir de tudo e tentar ser feliz com a sua antiga identidade de gênero.

Super Late Bloomer - tiras

Felizmente, não foi o que aconteceu. Mas a jornada da artista teve muitos altos e baixos, como ela nos conta de forma muito bem-humorada em suas tiras. Seus traços bastante cartunescos deixam tudo mais leve e divertido.

Apesar da barreira do idioma, as tiras de Super Late Bloomer tem sempre apenas 3 quadros e usam uma linguagem simples que, junto das ilustrações, deixam as situações retratadas compreensíveis e reconhecíveis (pois duvido que qualquer pessoa que tenha pelo menos questionado sua identidade de gênero não se identifique com o que vai ler).

Tiras - Super Late Bloomer

Mais do que falar que esse é um quadrinho que retrata de forma leve o início da transição de gênero, eu gostaria de ressaltar que Super Late Bloomer pode ser uma companhia de valor inestimável para quem está passando por essa experiência. Julia oferece um abraço carinhoso em um momento que pode parecer muito solitário e dolorido.

O quadrinho pode ser adquirido pela Amazon, por R$51,79 na versão para Kindle, ou por R$62,22 na versão física. Como a conversão monetária deixa os valores bastante salgados para nós, você pode acompanhar suas tiras pelo Instagram Up and Out Comics.

Super Late Bloomer - tiras

Deixe uma resposta